Tuesday, January 7, 2014

Waiting List

É incrível a ansiedade que uma lista de espera pode causar... No primeiro momento fico um bocado irritada quando descubro que algo não está disponível prontamente quando eu quero. Mas logo essa sensação frustrante dá lugar ao espirito da teimosia, e vira uma questão de honra conseguir.

Antes era tudo uma questão material, por exemplo, a bolsa da moda ou o par de brincos mais exclusivo. Porém logo percebi que quando finalmente colocava minhas mãos sobre o tal item, a sensação de vitória logo ia embora. E lá estava eu carregando uma bolsa que milhares ao redor do mundo já tinham em seus braços em versões originais ou "inspired".

Recentemente porém, quando estava planejando mais uma visita a minha queridinha NY, vi todas essas emoções aflorarem novamente. Porém, ao invés de ficar decepcionada depois de finalmente conseguir a tão exclusiva reserva num restaurante, eu fiquei extremamente feliz! A verdade é que o melhor investimento do mundo não é nem adquirir a bolsa da moda nem o carro do ano, mas sim viajar! E um dos maiores prazeres que tenho durante as minhas viagens é comer... O mais incrível é que depois de comer em um lugar único, ao invés de esquecer no fundo do armário depois que saiu de moda, perdeu o ranking ou simplesmente deixou de existir, eu guardo para sempre na memória aquele momento único em que estava lá e provei aquela que seria a melhor garfada da minha vida até então! E isso não tem preço...

Sábio foi quem disse que o que conta "não são os anos em sua vida e sim a vida em seus anos"!

Desde que me sentei na mesa do "The Chef's Table at the Brooklyn Fair", guardo em minha memória aquele momento inteiro... A ansiedade de saber se estávamos no lugar certo, a surpresa com tudo o que provamos, e a sensação de que aquele momento nunca se repetiria.

Então imagina como eu me senti quando descobri um restaurante no estado de Nova Iorque que tem simplesmente 5 anos de lista de espera... Já comecei a fazer as contas, se estiver viva, puder viajar, e casada até lá, posso comemorar meu aniversário de casamento lá em 2018! Hahahahah... Então não pensei duas vezes e já mandei uma email para tentar garantir uma reserva.. Pode ser que eu dê o azar de mesmo estando viva, podendo viajar e casada, o restaurante nem sobreviva todo esse tempo! Mas espero não ser tão azarada, pois já estou me imaginando jantando lá no Outono de 2018!

Vou contar aqui mais quando finalmente confirmar a minha reserva... Mas por hora vou dividir com vocês a lista com os 5 restaurantes mais difíceis de se conseguir uma reserva nos Estados Unidos... Quem sabe você pega gosto pela coisa que nem eu, e acaba decidindo arriscar a sua sorte numa reserva para daqui há 5 anos, que nem eu!

Essa listinha foi levantada pela Bloomberg... O primeiro eu já fui e contei aqui! Valeu cada moedinha investida!

Chef’s Table at Brooklyn Fare
Brooklyn, N.Y.
Co-owner Cesar Ramirez serves a seafood-heavy menu directly onto his kitchen’s stainless steel bar at the borough’s only restaurant with three Michelin stars. For the 18 seats, reservations are taken only by phone, six weeks in advance, on Mondays at 10:30 a.m.
Cost per person: $255

The French Laundry
Yountville, Calif.
Thomas Keller’s Napa Valley eatery offers a nine-course menu in which none of the peak-season ingredients is used more than once. You can book two months out by phone, assuming you don’t get a busy signal. If you reach a human, your name may land on the wait list.
Cost per person: $270

Talula’s Table
Kennett Square, Pa.
The highlight inside the small space is the “farm table.” Seating 12, it has a menu that changes monthly; December features chowder and short ribs. Dinner starts promptly at 7:30 p.m.—if you’re late, you go hungry. To get in, you have to call exactly 365 days in advance.
Cost per person: $140

Next
Chicago
Chef Grant Achatz’s menu changes every four months—January is “Chicago Steakhouse.” There are no reservations; the prepaid tickets that are sporadically available cost different rates depending on date and time, and they’re often announced only on Facebook.
Cost per person: $65 to $365

Minibar by José Andrés
Washington
This restaurant, which has just 12 seats, specializes in the Spanish chef’s molecular gastronomy. Its website says reservations are “in short supply, but available to the passionate.” Send an e-mail request at precisely 10 a.m., exactly a month in advance, then hope for a response.
Cost per person: $250

1 comment: