Saturday, January 7, 2012

I don't know how she does it

Um dos meus maiores medos nesse momento é chegar a conclusão de que eu não vou conseguir lidar com todas as coisas que eu escolhi para fazer... Confesso que só de escrever essa frase, um milhão de listas de coisas a fazer já começam a pular na minha mente e quando eu menos espero começo a montar um calendário na minha cabeça para tentar unir todos os pedaços e fazer daquele dia que parece impossível um sucesso. Acontece que eu já vivo toda essa loucura (segundo meu marido tem horas em que a minha vida parece uma daquelas gincanas malucas...) e ainda nem tenho filhos!

Ihhhhh.... Nem se preocupe que eu não sou uma daquelas mulheres loucas que decidem que talvez a forma mais fácil seja simplesmente abdicar do poder incrível de ter filhos. Isso nem passa pela minha cabeça... Outro dia me peguei pensando que a pior coisa que ira acontecer se o mundo realmente acabar em 2012 é que talvez ainda não tenha dado tempo de me transformar em uma mãe! (absolutamente louca né?!)

Mas sempre me pego perguntado como será que é possível lidar com a maternidade e ainda trabalhar sem se sentir culpada 100% do tempo... Eu já reclamo que ter um trabalho fixo e um segundo negócio ao mesmo tempo (sem contar o blog, os cachorros, a casa e o mais importante de todos, meu marido) é hiper complicado porque parece que você esta devendo sempre para um dos dois... Imagine então quando eu tiver que encaixar nessa equação os meus filhos!!!

Acho que um dos meus maiores defeitos agora é ser uma eterna perfeccionista! Meu trabalho tem que estar perfeito, o blog tem que estar em dia, meu closet tem que estar arrumado, não posso faltar no Pilates, não posso conviver com uma sala desarrumada e quando invento um evento aqui em casa tem que parecer a casa da Martha Stewart!!!! Hahahaha...

Isso tudo para dizer que eu acabei de assistir ao novo filme da Sarah Jessica Parker e me identifiquei muuuuuuito! Eu literalmente me vejo vivendo aquela loucura toda e confesso que assim como ela acho que meu maior medo é realmente deixar a peteca cair.... Por isso que sempre que encontro com uma amiga que já é mãe me pego fazendo mil perguntas sobre como ela consegue administrar tudo aquilo... Hahahaha Sei que impossível não pode ser, porque afinal de contas a minha mãe sempre trabalhou muito e ainda conseguiu criar eu e a minha irmã sem um marido!! Mas ainda assim vejo um bicho de sete cabeças quando penso como vai ser! Mas de uma coisa tenho certeza: que por mais imperfeita que essa jornada vai ser, com certeza vai ser uma felicidade só! Mulheres assistam o filme... Acho que vão gostar!